Está de viagem marcada para Belo Horizonte e quer saber como se locomover na cidade? Confira todas as dicas neste post completo!

Belo Horizonte possui metrô, mas as opções de linhas são bem limitadas e confesso que não vimos nenhuma estação em nossas andanças por lá.

 

Metrô

 

Os locais costumam afirmar que o metrô possui linhas que levam “nada a lugar nenhum”, mas claro que há um pouco de exagero nesta colocação. Contudo, é importante saber que os turistas dificilmente irão utilizar este tipo de transporte público, pois as paradas não englobam a maioria das atrações aqui mencionadas.

Se tiver curiosidade, pode acessar o site do Metrô de Bh e verificar todas as estações disponíveis – clique aqui.

 

Ônibus, uber e taxi

 

Diante disto, as opções mais viáveis para os turistas são o taxi, uber e o ônibus. O aluguel de carro não é aconselhável, pois a cidade costuma ter engarrafamentos irritantes e você não vai querer passar por este stress em suas férias, não é mesmo?

A opção mais barata é o ônibus, porém esta é quase sempre a mais demorada e também a menos cômoda de todas. As tarifas variam de acordo com o destino e é possível consultar o Google Maps ou o site do serviço de transporte municipal para verificar as linhas adequadas.

Apesar de sermos adeptas do transporte público em viagens, acabamos utilizamos muito o serviço do uber para nos locomover em Belo Horizonte, pois nos pareceu o melhor custo benefício. Sim, isto mesmo, para a maioria das viagens que fizemos, o uber custou poucos reais a mais em relação ao ônibus.

Portanto, aconselhamos muito a utilização deste serviço de transporte, cujas corridas ficaram em torno de R$ 7 a 15 saindo de Savassi, onde nos hospedamos. Importante lembrar que a corrida até a Pampulha foi a mais cara e custou cerca de R$ 25 cada trecho.

O taxi também é uma boa opção para quem viaja para Belo Horizonte, contudo, tem tarifas mais caras que as do uber.

Para saber como se locomover de e para o Aeroporto Confins, clique aqui.


roteiros personalizados


seguro