Geysers del Tatio no Deserto do Atacama

Confira neste post todas as dicas para visitar os Geysers del Tatio no Deserto do Atacama, uma atração que não pode ficar de fora de seu roteiro.

O passeio para os Geysers é o mais “cruel” do Atacama e mesmo assim é um dos mais visitados da região.

Você vai ouvir os conselhos pavorosos como por exemplo: a estrada é perigosa, tenha cuidado; se agasalhe bem, pois as temperaturas são congelantes; tente não ingerir comidas pesadas ou bebida alcoólica e cuidado com o soroche.

Mesmo assim, você e praticamente todos os turistas que chegam ao Atacama irão se arriscar e visitarão os Geyser del Tatio, pois vale muito a pena!

A visita aos Geysers del Tatio deve ser programada para o meio ou final da viagem, pois a atração está situada a  4.320 metros de altitude.

Não se esqueça que a aclimatação do corpo é um processo lento e gradual e que você deve se programar para fazer os passeios de “menor altitude” nos primeiros dias, deixando os de “maior altitude” para o final.


Geysers del Tatio no Deserto do Atacama

O passeio começa muito cedo, antes das 5 horas da manhã, o que significa que você terá que acordar por volta das 04 horas.

Isso por que, é importante chegar no local antes do sol nascer, pois as baixas – leia-se congelantes – temperaturas colaboram com o espetáculo, tornando o vapor dos geysers ainda mais impressionantes.

Confira todas as dicas de viagem em um guia completo preparado especialmente para você.

Geysers del Tatio no Deserto do Atacama

A viagem até os Geysers é extremamente cansativa, mas proporcionalmente recompensadora. São percorridos 130 km até o destino final em cerca de duas horas de viagem.

A estrada até os Geysers é bastante perigosa e necessita da atenção máxima do motorista. Para nós, que fomos de carro alugado até a atração, foi um desafio superado com muita responsabilidade. Clique aqui para acessar o nosso post completo sobre o aluguel de carro no Atacama.

Sim, pode até parecer um cenário desfavorável, mas, ao chegar no campo geotérmico dos Geysers todos os problemas serão esquecidos e você entrará em transe, como se não estivesse mais no Planeta Terra.

geyser5

Caminhar pelos incríveis geysers é uma experiência única e é praticamente impossível não se sentir impressionado com a magnitude deste fenômeno raríssimo.

 

Mas, o que são Geysers e por que eles são tão especiais?

 

O nome gêiser provém de Geysir, nome de uma nascente eruptiva em Haukadalur, na Islândia; este nome deriva por sua vez do verbo gjósa, “jorrar”.

El Tatio (palavra Tata-iu), em kunza, que significa o “o avô que chora”, e os Geyser del Tatio formam o maior grupo de Geyser do hemisfério Sul e o terceiro maior do mundo.

O gêiser é uma fonte de água quente, proveniente da parte interior da superfície terrestre. Representam nascentes termais que entram em erupção periodicamente, lançando uma coluna de água quente e vapor para o ar.

geyser3

A formação de gêiseres requer uma hidrogeologia favorável, o que existe apenas em poucos locais na Terra; logo são fenômenos razoavelmente raros.

Existem cerca de mil em todo o mundo, e metade destes no Parque Nacional de Yellowstone, nos Estados Unidos, entre os quais um dos mais conhecidos e regulares é o Old Faithful (ou “Velho Fiel”); outros gêiseres se encontram na tuíte,scurfenato onde uma substância fica na água, Nova Zelândia, Rússia, Chile e Islândia.

E nós, sabendo disso, aproveitamos ao máximo a experiência – tanto quanto o friou permitiu –  e percorremos todo o local com calma, admirando estes incríveis “olhos fulmegantes”.

geyser2

geysercola2
geysers8

Assistir ao nascer do sol nos Geysers del Tatio é uma experiência verdadeiramente sensorial.

A mudança de temperatura combinada com a coloração das montanhas que se mostram com cores verdes e amarelas contrastam com o azul do céu e o branco do vapor liberado pelos geysers.

Essa é, sem dúvidas, uma das mais belas paisagens que você verá no Atacama.

Geysers del Tatio no Deserto do Atacama

geyser7

 

Felizmente, não sofremos com o mal da altitude, o famoso “soroche”, e conseguimos aproveitar bastante a experiência.

 

Informações sobre os Geysers del Tatio

 

A entrada para os Geysers del Tatio custa 5 mil pesos chilenos e não há preços especiais para estudantes.

É importante chegar na atração por volta de 06:30 e se programar para ficar por lá até 11:00 horas, pois este é o período que vapor quente dos geysers de choca com as baixas temperaturas e transformam a paisagem.

Vá super agasalhado, pois o frio é intenso e pode, inclusive, impedir que você aproveite o passeio. Clique aqui para ver as roupas de frio que indicamos.

Por volta de 11 horas os passeios deixam os Geysers e seguem rumo a San Pedro de Atacama, mas

Se você achou que já tinha visto belezas naturais suficientes para um dia, está muito enganado.

Mais uma vez, o Deserto do Atacama nos surpreendeu e descobrimos que o caminho até os Geysers del Tatio é simplesmente incrível.

Geysers del Tatio no Deserto do Atacama

Só descobrimos na volta, pois no trecho da ida estava escuro e não conseguimos ver nada!

No retorno é comum parar no povoado Machuca para conhecer o vilarejo e experimentar o famoso espetinho de carne de llhama – confesso que não sei como as pessoas têm coragem de comer a carne deste adorável animal, mas quem provou garantiu que a carne é excelente.

machuca

Em Machuca também é possível visitar a igrejinha do local e no caminho a San Pedro é possível avistar llhamas, alpacas e cabras, além de paisagens surreais.

Mesmo que seja difícil permanecer acordado depois de ter levantado por volta das 4 horas da manhã, não deixe de aproveitar esta oportunidade para contemplar estas magníficas paisagens na volta.

Quem visita o Deserto do Atacama de carro como nós fizemos, pode seguir direto para as Termas de Puritama, que estão no mesmo caminho que os Geysers del Tatio. Clique aqui para conferir o nosso post completo sobre o aluguel de carro no Atacama.

Os que pretendem explorar o Atacama com tours devem voltar para San Pedro de Atacama e programar o passeio para as Termas de Puritama no período da tarde.

Se estiver de carro, vale a pena passar nas Termas de Puritama na volta, pois o oásis no deserto está situado na estrada que liga os Geysers à San Pedro de Atacama 🙂

Consulte neste post todas as dicas sobre o passeio às Termas de Puritama.

 

Gostou das dicas? Planeje a sua viagem através dos links indicados e ajude o blog com uma pequena comissão. Obrigada 🙂

– Reserve já seu hotel com cancelamento grátis através do Booking.com ou se preferir, reserve seu hotel através da Hotéis.com e pague em em até 12x no cartão sem o IOF

– O seguro viagem é item importante para a sua viagem, sendo obrigatório para os países da Europa. Faça já a sua pesquisa com a Real Seguros, compare as cotações dos melhores seguros e pague em até 6x sem juros. Não deixe de conferir também a cotação da Mondial Seguros e ganhe 15% de desconto comprando através do blog

– Já conhece o Airbnb? Cadastre-se aqui e ganhe R$ 100 de bônus no Airbnb para usar na primeira reserva – é grátis!

– Compre os ingressos com antecedência e evite filas. Confira todas as opções de ingressos, passeios e shows da Viator e também os descontos imperdíveis da Ticketbar

– Vai viajar de carro? Reserve já o carro para sua viagem com cancelamento gratuito através da Rental Cars, a melhor plataforma para comparação de preços entre as empresas de aluguel, com o melhor serviço de atendimento ao cliente

– Chip internacional para ligações e internet no exterior. Clique aqui para comprar o chip do Mysimtravel e viajar tranquilo.

– Roteiros Personalizados: Se preferir, podemos planejar a sua viagem e elaborar um roteiro sob medida para você. Saiba mais clicando aqui e entre em contato através do email contato@omundoepequenoparamim.com.br