Dicas de viagem Deserto do Atacama

Confira neste post todas as dicas de viagem do Deserto do Atacama em um guia completo com informações completas e objetivas para você aproveitar o melhor do destino com o menor custo possível.

 

DESERTO DO ATACAMA E CHILE – UMA INTRODUÇÃO

 

Dicas de viagem do Deserto do Atacama2

 

Vista em um mapa, a forma do Chile é uma das mais diferentes.

A sua fantástica extensão que beira os 4 mil km de comprimento associada a uma largura de apenas 180 km fazem com que o país seja a sede de uma realidade geográfica única.

Ao mesmo tempo que a barreira de rocha e gelo formada pela Cordilheira dos Andes separa o país da Argentina, o Deserto do Atacama, faixa árida de 1.000 km separa o Peru ao norte.

É um país diferenciado em sua essência, especialmente em comparação aos outros países da América do Sul.

 

São as paisagens remotas e lindas que atraem os turistas ao Chile, que conta com boa parte da área do país coberta de vastas regiões naturais quase completamente virgens.

Poucos países desfrutam de contrastes tão surpreendentes que vão do deserto mais seco do mundo aos imensos campos gelados e glaciares milenares.

Em meio a estes extremos, os visitantes encontram atrações tão incríveis quanto, como os cerrados ensolarados, os vinhedos e pomares magníficos, as florestas temperadas virgens e os fiordes e gélidas paisagens da Patagônia.

Você pode usufruir destas belezas naturais do modo que escolher, pois o Chile oferece atrações e estrutura para todos os tipos de viajantes e para todos os bolsos. Há muitas atrações imperdíveis no país e uma delas, certamente, é o Deserto do Atacama.

Ah, e essa pode até ser a sua primeira viagem ao Chile, mas certamente não será a última. 

+ O seguro viagem é item importante para a sua viagem. Faça já a sua pesquisa com a Real Seguros, compare as cotações dos melhores seguros e pague em até 6x sem juros.

 

 

DICAS ÚTEIS DO DESERTO DO ATACAMA

 

Separamos uma série de dicas úteis para a sua viagem.

 

Que moeda levar para o Deserto do Atacama

 

Uma dúvida recorrente dos viajantes é sobre qual moeda levar para uma viagem ao Chile.

Tendo em vista que a atual cotação do dólar está instável, indicamos que faça as contas antes de decidir. Para consultar o nosso post completo sobre qual moeda levar para o Atacama clique aqui.

O conselho de fazer as contas com antecedência só seria diferente caso a viagem tivesse como destino alguma cidade do interior do país, inclusive no Deserto do Atacama, nas quais a cotação do real é extremamente desfavorável.

Para o Atacama, leve sempre dólar, exceto se você pretende passar em Santiago antes e se tiver disponibilidade para fazer o câmbio reais-pesos chilenos por lá.

 

Entrada no Chile

 

Muitos trâmites burocráticos foram eliminados com o advento do Mercosul e hoje os brasileiros não precisam mais do que um documento de identidade para ingressar no Chile.

Lembramos que o documento de identidade é o RG, sendo outros documentos, como carteira de motorista, certidão de nascimento e CPF não aceitos.

Os turistas brasileiros podem permanecer até 90 dias no território chileno com o visto de entrada.

 

Saúde

 

Não há obrigatoriedade de tomar qualquer vacina para entrar no Chile e o país ostenta ótimas condições sanitárias.

No entanto, não viaje para o Chile sem o seu seguro saúde. Para saber todas as informações e contratar o seu seguro saúde  aqui.

 

Fuso horário

 

Em relação ao Brasil o Chile está no mesmo fuso horário, portanto, não será necessário ajustar o relógio ao pousar no país.

O Chile também adota o horário de verão, mas pode ser em datas diferentes do Brasil, portanto, fique atento a este evento.

 

 

QUANDO VISITAR O DESERTO DO ATCAMA

 

como2

As melhores épocas para visitar o Atacama são as estações intermediárias, ou seja, Primavera e Outono. No hemisfério sul, essas estações ocorrem nos meses de Setembro de Novembro e Março e Maio, respectivamente.

Esses são os melhores meses para visitar o Deserto do Atacama, pois a amplitude térmica acentuada – típica dos desertos – revela-se mais amena. Isso quer dizer que nestes meses não haverá mudanças de temperaturas extremas.

No entanto, é importante ressaltar que é possível visitar o Deserto do Atacama durante todo o ano, desde que vá preparado para temperaturas mais altas no verão e mais baixas no inverno.

Confira quais são as características de cada mês no Deserto do Atacama.

 

Dezembro, Janeiro e Fevereiro

 

Apesar de ser verão no hemisfério sul, é neste período que ocorre o fenômeno denominado “inverno altiplânico”, quando se pode esperar alguns centímetros de chuva no deserto.

É muito raro chover no Deserto do Atacama e há lugares na região que nunca foram contemplados com uma gota de chuva. Por isso, você não deve se preocupar, pois este não é um fator que pode prejudicar a sua viagem.

 

Março, Abril e Maio

 

São ótimos meses para visitar o Atacama, pois o céu está quase sempre aberto e a noite a temperatura não é tão fria.

As amplitudes térmicas são menores neste período, o que possibilitam uma viagem mais confortável.

Nós visitamos o Atacama em Março e sentimos frio apenas nos Geysers del Tatio. Nos outros momentos, inclusive durante a noite, uma blusa de manga comprida foi suficiente para nos aquecer.

 

Junho, Julho e Agosto

 

São alguns dos meses mais procurados pelo turismo, pois coincidem com o verão e as férias na Europa e América do Norte.

Em pleno inverno, as temperaturas chegam a 22º C durante o dia e próximas de 0 durante a noite.

Em alguns passeios de altitude elevada é possível encontrar temperaturas negativas, portanto, vá preparado.

 

Setembro, Outubro, Novembro

 

São alguns dos melhores meses para visitar o Atacama, pois o clima já está mais quente e sem variações extremas.

Em Outubro e Novembro a grande procura deste destino é pelo público chileno, portanto, reserve a sua acomodação e passeios com antecedência.

Em setembro podem ocorrer as tempestades de areia, mas não é motivo para deixar de programar uma viagem neste mês, pois este fenômeno é extremamente raro.

Independente do mês que você pretende viajar ao Atacama é muito importante reservar a hospedagem com antecedência, pois este é um destino extremamente procurado e, embora tenha diversas opções de hotéis, hostals e albergues, é sempre um risco não achar vagas.

 

QUANTO TEMPO FICAR NO DESERTO DO ATACAMA

 

O Atacama surpreende os seus visitantes não só pelas suas belezas naturais, mas principalmente pela quantidade e variedade de atrações disponíveis na região.

Seria uma perda inestimável visitar o Atacama e deixar de conhecer alguns dos seus cenários mais lindos – sem dúvidas alguns dos mais bonitos que você verá em sua vida.

Por isso, o ideal é planejar uma viagem coerente, de forma que consiga conhecer com calma as melhores atrações deste deserto único. Afinal de contas você já vai ter percorrido um longo caminho até chegar lá, não é mesmo? Clique aqui para acessar o post completo sobre quantos dias ficar no Atacama.

Indicamos que você separe entre 4 a 5 dias inteiros para explorar o Deserto do Atacama e conseguir visitar as suas melhores atrações com calma. Até por que um dos objetivos das férias é descansar, não é mesmo?

Vejamos a melhor forma de planejar a sua visita ao Deserto do Atacama.

Quer uma sugestão de como organizar os seus passeios no Deserto? O nosso roteiro pode ser feito tanto para os que vão de carro e também para os que planejam contratar tours.

 

1º dia –  Passeio na vila de San Pedro de Atacama + Laguna Cejar, Ojos del Salar e Laguna Tebenquiche ( pode ser feito no 2º dia )

Clique aqui para acessar o nosso post completo sobre o primeiro dia explorando o Deserto do Atacama

2º dia – Tour arqueológico ( Pukará de Quitor + Aldea Tulor ) + Valle de la Muerte e Valle de la Luna ( pode ser feito no 1º dia )

Clique aqui para acessar o nosso post completo sobre o segundo dia explorando o Deserto do Atacama

3º dia – Geysers del Tatio + Termas de Puritama

Clique aqui para acessar o nosso post completo sobre o terceiro dia explorando o Deserto do Atacama

4º dia – Lagunas Altiplânicas + Piedras Rojas / Lagunas Escondidas / Tarde livre para descanso

Clique aqui para acessar o nosso post completo sobre o terceiro dia explorando o Deserto do Atacama

5º dia – Salar de Tara

Clique aqui para acessar o nosso post completo sobre o terceiro dia explorando o Deserto do Atacama

Está vendo como existem muitas atrações incríveis no Deserto do Atacama? 5 dias é um período necessário para conhecer as melhores atrações do Deserto do Atacama sem deixar de visitar as mais importantes.

Quer um conselho? Só não planeje a sua viagem com 5 dias inteiros reservados ao Deserto do Atacama se realmente não puder fazer isso.

Se puder, não hesite em planejar a sua viagem com tempo suficiente para aproveitar 5 dias inteiros no deserto, sem esquecer do tempo de ida e volta necessário.

 

COMO CHEGAR NO DESERTO DO ATACAMA

 

DCIM100GOPROGOPR2377.

Chegar no Atacama não é das tarefas mais fáceis, mas saiba de antemão que é possível organizar uma rota coerente, seja qual for a origem de sua viagem.

A região do Atacama está próxima da Bolívia, Argentina e Peru e é possível combinar a viagem com um ( ou mais de um ) destes destinos, portanto, saiba que a sua rota de entrada não deve ser necessariamente o Chile.

É importante saber que San Pedro de Atacama é a cidade base para os visitantes do Deserto do Atacama e que a vila está localizada a cerca de 1.600 km ao norte de Santiago.

Agora que você já sabe as informações básicas para se localizar geograficamente, vamos às dicas práticas sobre como chegar no Deserto do Atacama. Clique aqui para ver o post completo.

 

Como chegar no Atacama de avião

 

Esta é a mais prática e rápida forma de chegar ao Deserto do Atacama, embora geralmente seja a mais cara.

O percurso entre Santiago – Calama dura apenas 2 horas, é operado pelas empresas LAN e SKY Airlines e tem diversos horários diariamente.

É importante saber que não existem voos diretos do Brasil ao Deserto do Atacama e você precisa fazer escala em alguma cidade maior do Chile, geralmente Santiago, para então seguir para Calama, a cidade com o aeroporto mais próximo do deserto.

 

Como chegar no Atacama de ônibus

 

Essa é a opção mais barata, mas extremamente cansativa e desgastante.

A empresa Turbus liga Santiago a San Pedro de Atacama – Clique aqui para conferir horários e valores

Em semi-leito o trecho custa cerca de 22.800 mil pesos e na premium  41.500 mil pesos e a viagem dura cerca de 24 horas.

A empresa Pullman Bus liga Santiago a Calama e de lá você pode se conectar ao deserto – Clique aqui para conferir horários e valores

Viajar de ônibus é uma excelente opção para quem vem da Argentina, especialmente das cidades Jujuy e Salta e a viagem dura cerca de 12 horas.

 

Como chegar no Atacama de carro

 

A viagem entre Santiago e Atacama e carro dura cerca de 20 horas, mas pode ser feita de forma parcelada.

As estradas do Chile estão muito bem conservada e sinalizadas e esse é um percurso extremamente comum.

Clique aqui para conferir o nosso post completo sobre como explorar o Deserto do Atacama de carro.

Saindo de Santiago, basta acessar a Ruta 5, conhecida como Panamericana Norte, que separa a capital chilena de São Pedro de Atacama e seguir por cerca de 1.900 km.

 

O QUE FAZER NO DESERTO DO ATACAMA

 

DCIM101GOPROGOPR3720.

Você está planejando uma viagem ao Deserto do Atacama e quer saber quais são as atrações que não podem ficar de fora do seu roteiro?

Não se preocupe. Preparamos este post completo com todas as dicas acerca das atrações mais incríveis do Atacama. Para acessar o post completo clique aqui.

De forma resumida podemos listar:

O nosso post não foi organizado pela ordem de prioridade, pois indicamos que reservem tempo suficiente para fazer todos estes passeios. Para saber quantos dias ficar no Atacama clique aqui.

 

QUAL AGÊNCIA ESCOLHER PARA FAZER OS PASSEIOS

 

Ao programar a nossa viagem para o Atacama, nós encontramos diversas indicações de agências que operam os passeios na região.

Fizemos a cotação com a maioria delas, mas acabamos optando pelo aluguel de carro para explorar a região.Clique aqui para saber mais sobre a nossa aventura de carro pelo Atacama.

Mesmo não tendo sido a nossa opção, elaboramos uma planilha com todos os valores das cotações de passeios que fizemos e resolvemos compartilhar com vocês, para que possam verificar as médias de preços praticadas pelas agências e constatar as diferenças entre elas.

Clique aqui para fazer o download do arquivo com o comparativo das agências do Atacama – É grátis!

Como pode ver, há grandes diferenças nos valores praticados pelas agências, portanto, pesquise bastante e peça descontos até decidir qual a melhor opção para você.

É importante ressaltar que não conhecemos o serviço dessas agências e não fizemos tours, exceto para o Salar de Tara com a agência El Relincho através da World White Travel.

A nossa planilha foi elaborada de acordo com a indicação de amigos e blogs de viagens que confiamos e, portanto, representam – para nós – boas referências. De qualquer forma, é sempre bom checar os comentários recentes em plataformas de viajantes como, por exemplo, o Tripadvisor.

Sugerimos também que você faça a cotação com a Viator, uma plataforma de compra e reserva de tours extremamente reconhecida e indicada. Clique aqui para verificar os valores e disponibilidades dos passeios no Atacama com a Viator.

Esperamos que possamos ajudar você a programar uma viagem perfeita dentro do orçamento reservado para a viagem.

 

ONDE FICAR NO DESERTO DO ATACAMA

 

tierra-atacama-pool-sunset

Em San Pedro de Atacama, cidade base para explorar o magnífico Deserto do Atacama, há muitas opções de hospedagem.

É possível encontrar a acomodação perfeita para todos os gostos e bolsos, mas cabe a você decidir qual o melhor opção de acordo com o seu orçamento e perfil de viajante.

O importante mesmo é pesquisar muito e para te auxiliar nesta jornada, preparamos um post com as melhores opções de acordo com 3 categorias de preço e sofisticação – para acessar o post completo clique aqui.

Nós escolhemos o Hostal Pablito e super indicamos. Para acessar o post completo com a review clique aqui.

 

O QUE LEVAR PARA O DESERTO DO ATACAMA

 

A mala que levamos para o Deserto do Atacama foi sem dúvidas uma das mais exóticas que já fizemos na vida.

Isto porque, uma boa mala para o Atacama tem que contemplar roupas de extremo frio e também de extremo calor. Além disso, precisa também conter itens básicos de saúde e acessórios que vão garantir uma boa experiência por lá.

Toda essa confusão exige sagacidade do viajante para não estourar o limite de bagagem e também para não deixar de levar algo importante ou se exceder em itens inúteis.

Não se esqueça que o planejamento é essencial e vai garantir uma viagem maravilhosa e sem contra tempos.

Para acessar o post completo com todas as dicas sobre como arrumar a mala clique aqui.

 

CUIDADOS ESSENCIAIS PARA VISITAR O DESERTO DO ATACAMA

 

O sucesso de uma viagem ao Atacama depende – e muito – de alguns cuidados que você deve tomar.

O Atacama é o deserto mais seco e mais alto do mundo e você não pode deixar de consultar um médico geral antes de ir.

Se tiver algum problema de pressão ou cardíaco não deixe de verificar com o médico que te acompanha se há alguma restrição.

No Deserto do Atacama, você deve manter-se sempre hidratado, evitar comer carnes ou ingerir bebida alcóolica.

Também é importante manter a ordem de passeios respeitando a altitude e uma aclimatação tranquila.

 

ATACAMA DE CARRO: UMA EXPERIÊNCIA INESQUECÍVEL

 

carro3

Quando estávamos planejando a viagem, pesquisamos bastante sobre a viabilidade de alugar um carro, seguimos nossos instintos e chegamos à conclusão de que seria a melhor opção. E, de fato, foi.

As condições das estradas de asfalto estão muito boas, os caminhos para as principais atrações estão todos com excelente sinalização. Não tivemos nenhum problema para chegar até elas.

Os chilenos, de uma forma geral, são muito prudentes nas estradas, mas, é importante ficar atentos aos argentinos – que os chilenos “carinhosamente” chamam de “argentos” -, pois, a maioria não respeita as mínimas regras de segurança, e, o Atacama faz fronteira com a Argentina.

Qualquer pessoa acostumada a dirigir em estradas, pode, tranquilamente, conhecer o Atacama de carro, por conta própria.

Para consultar todas as dicas para programar uma viagem de carro para o Atacama clique aqui.

 

POR QUE VISITAR O DESERTO DO ATACAMA

 

tara16

Confira quais são os principais motivos pelos quais o Deserto do Atacama vem se tornando um dos destinos mais procurados por viajantes de todo o mundo. Para acessar o post completo clique aqui.

 

Paisagens alucinantes

 

Esse é o mais óbvio dos motivos para colocar o Deserto do Atacama na lista de desejos.

Sua localização geográfica faz com que o Atacama tenha algumas das mais extremas e exóticas paisagens do planeta.

Como entender a presença de um complexo de piscinas termais no meio do deserto mais árido do mundo? Como processar a existência de lagunas de cor azul vibrante na base de vulcões pré históricos?

Entender o contexto geográfico do deserto faz com que as paisagens que você verá por lá sejam ainda mais apreciadas.

Se você está em busca de um destino incrivelmente lindo e de contato com a natureza não pense duas vezes e defina a sua viagem ao Deserto do Atacama

 

Muita história

 

As paisagens surreais do Deserto do Atacama estão permeadas pela história do povo indígena tradicional da região e dos outros que tentaram conquistar o deserto, como maias e espanhóis.

Visitar Pukára de Quitor, a Aldeia de Tulor e fazer um passeio pela Vila de San Pedro de Atacama são atividades imperdíveis para quem se interessa por história.

Você vai voltar no tempo e ficar impressionado com a capacidade de adaptação dos primeiros habitantes do deserto mais árido do mundo.

Os vilarejos Socaire e Toconao parecem que pararam no tempo e preservam a arquitetura típica da região. Vale a pena a visita.

 

Viagem curta – Sugestão de 6 a 7 dias

 

O Deserto do Atacama é um excelente destino, especialmente para aqueles que dispõem apenas de 6 a 7 dias para viajar.

Esse é o intervalo de tempo excelente para uma visita completa ao Atacama!

Sugerimos que programe 5 dias inteiros para explorar o deserto, para não ter que deixar as melhores atrações de fora do roteiro. Clique aqui para verificar a nossa sugestão de quantos dias ficar no Deserto do Atacama.

Contando com o deslocamento – que não é tão rápido – e até com uma parada rápida em Santiago, você pode fazer esta viagem incrível em uma semana.

 

Distância curta – América do Sul

 

Sim, este destino incrível está mais perto do que você imagina!

O Deserto do Atacama está localizado no Chile, nosso país vizinho sulamericano e pode ser facilmente acessado de qualquer cidade do Brasil.

Na verdade, não existem voos diretos para o Deserto do Atacama, mas a partir de Santiago, há diversas opções de voos para Calama, a cidade mais próxima. E do Brasil para Santiago a oferta de voos é imensa!

Também é possível fazer o trajeto do Brasil ou de várias outras cidades da América do Sul de carro ou até mesmo de ônibus.

Neste post você encontra todas as informações que precisa para saber como chegar no Deserto do Atacama.

 

Preços razoáveis

 

É possível fazer uma viagem confortável ao Deserto do Atacama com cerca de R$ 4.000.

Para passeios com agências, separe cerca de R$ 1.000,00, podendo variar para mais ou para menos dependendo de suas opções. Clique aqui para ver o comparativo de preços entre agências no Deserto do Atacama.

San Pedro de Atacama tem diversas opções de hospedagem, para todos os gostos e bolsos. Em média, um casal gasta cerca de R$ 2,000 para se hospedar 6 noites no Deserto, mas esse valor pode variar para baixo ou para beem mais alto.

Para gastar lá, separe cerca de R$ 500 a 1.000, e os seus custos irão variar de acordo com as suas escolhas de restaurantes e se houver compras.

É possível comprar passagens aéreas promocionais, mas a média de preço dos trechos até Calama fica em torno deR$ 1.500.

Ou seja, no total, é possível fazer uma viagem incrível por cerca de R$ 4,000. Um bom valor para uma viagem internacional, não é mesmo?

 

Pode ser visitada todos os meses do ano

 

hemisfério sul, essas estações ocorrem nos meses de Setembro de Novembro e Março e Maio, respectivamente.

Esses são os melhores meses para visitar o Deserto do Atacama, pois a amplitude térmica acentuada – típica dos desertos – revela-se mais amena. Isso quer dizer que nestes meses não haverá mudanças de temperaturas extremas.

No entanto, é importante ressaltar que é possível visitar o Deserto do Atacama durante todo o ano, desde que vá preparado para temperaturas mais altas no verão e mais baixas no inverno.

Para verificar um panomara geral de todos os meses do ano no Atacama clique aqui.

 

É uma viagem para toda a família

 

Visitar o Deserto do Atacama pode ser uma aventura para toda a família.

Nós, por exemplo, viajamos em um grupo de 5 pessoas, entre amigos e família e foi uma excelente experiência.

O fato de não precisar se locomover muito e de não ter muitas opções de atrações voltadas para perfis diferentes é favorável para viagens em grupos, pois evita possíveis conflitos entre os viajantes.

Se quiser viver uma aventura com seu grupo de amigos ou com sua família, saiba que o Deserto do Atacama é uma excelente opção para você!

 

Você pode viver uma aventura inesquecível explorando o deserto do carro

 

Nós decidimos explorar o Deserto do Atacama de carro alugado e por conta própria e podemos dizer que foi amelhor escolha que poderíamos ter feito!

Ter liberdade, autonomia, poder apreciar cenários incríveis de uma forma totalmente personalizada e diferenciada influenciou diretamente na nossa perspectiva do destino.

Se você é daqueles viajantes que não se contentam com excursões em grupo e em ficar limitado a horários e cronogramas, saiba que esta pode ser uma excelente opção para você!

Para saber todos os detalhes de nossa aventura de carro pelo Deserto do Atacama clique aqui.

 

Clique aqui para conferir todas as dicas publicadas sobre o Deserto do Atacama.

 

Gostou das dicas? Planeje a sua viagem através dos links indicados e ajude o blog com uma pequena comissão. Obrigada 🙂

– Reserve já seu hotel com cancelamento grátis através do Booking.com ou se preferir, reserve seu hotel através da Hotéis.com e pague em em até 12x no cartão sem o IOF

– O seguro viagem é item importante para a sua viagem, sendo obrigatório para os países da Europa. Faça já a sua pesquisa com a Real Seguros, compare as cotações dos melhores seguros e pague em até 6x sem juros. Não deixe de conferir também a cotação da Mondial Seguros e ganhe 15% de desconto comprando através do blog

– Já conhece o Airbnb? Cadastre-se aqui e ganhe R$ 100 de bônus no Airbnb para usar na primeira reserva – é grátis!

– Compre os ingressos com antecedência e evite filas. Confira todas as opções de ingressos, passeios e shows da Viator e também os descontos imperdíveis da Ticketbar

– Vai viajar de carro? Reserve já o carro para sua viagem com cancelamento gratuito através da Rental Cars, a melhor plataforma para comparação de preços entre as empresas de aluguel, com o melhor serviço de atendimento ao cliente

– Chip internacional para ligações e internet no exterior. Clique aqui para comprar o chip do Mysimtravel e viajar tranquilo.

– Roteiros Personalizados: Se preferir, podemos planejar a sua viagem e elaborar um roteiro sob medida para você. Saiba mais clicando aqui e entre em contato através do email contato@omundoepequenoparamim.com.br